India cheguei!

Ual, essa foi a primeira palavra que saiu da minha boca quando sai da sala de desembarque ainda com a mochila nas costas. Era muita gente, turbantes, barbas longas ou bigodão, vestidos coloridos, tatuagens de henna,crianças, adultos e alguns turistas perdidos ( ou assustados) como nós.

IMG_2461

Caro leitor,

Mesmo sendo um viajante experiente, sempre levará alguns dias para começar entender melhor o seu novo destino, e quando se trata de India digamos alguns meses.Até esse dia chegar você perderá muitas rupias em vão devido aos golpes que sofrerá pelo caminho, sim meu amigo, nem todos os indianos são seres de alma sublime, aqui tem muita gente de má fé só esperando uma brecha para abocanhar seu dinheirinho com golpes baratos rsrs. Nada de preocupante, mas é sempre bom ficar com os 4 olhos bem abertos e não confiar em pessoas que te oferecem ajuda sem você pedir. Logo nos primeiros momentos me dei conta que os indianos não falam inglês fluentemente, aliás poucos são os que falam.

É dificil descrever tudo o que se vê e se sente ao chegar no País de Gandhi, tudo é muito intenso,muito colorido,muito cheiroso ou mal cheiroso, muito apimentado, muito sujo,muito barato,muito pobre e muito barulhento.

 

IMG_2472

 

A culinária Indiana é uma das minhas favoritas, é tanto sabor e cheiro num prato que você até esquece como e onde aquela comida foi preparada. Sem falar que bicho morto e ovo dificilmente serão encontrados no pratos por aqui.

Já que estamos falando de animais, preciso lhe dizer que as vaquinhas, as sagradas vaquinhas comem lixo na rua, e sobrevivem nos meios de carros e gente, os cachorros que nem sagrados são tem uma vida ainda mais miserável.

IMG_2432

Higiene ainda não chegou por aqui, e mesmo os restaurantes e hoteis mais caros irá te decepcionar em algo.

Lá pro terceiro dia você provavelmente terá experenciado uma caganeira, e irá prometer que no próximo dia só ira comer arroz, mas não resistirá e comerá curry mais um vez.

Mesmo depois de algum tempo  por aqui ainda tomo alguns cuidados básicos tipo escovar os dentes só com água de garrafa e não comer comida crua, mas creio que chegará o momento que me entregarei de corpo e alma e me arriscarei abrindo a boca debaixo do chuveiro. Aquele ditado muito ouvido quando era criança “o que não mata engorda”virou meu mantra aqui na India.

Passei meus primeiros dias na caótica, fedorenta e barulhenta Delhi, e terei que fazer um post a parte falando (ou desabafando) sobre a cidade. Realmente o choque é grande, provavelmente da próxima vez deixarei Delhi fora da minha rota.

12736554_10156705588050713_1723350651_o

Meninas defensoras do feminismo, antes de vir a India, deixem seus ideais em casa e tragam roupas longas no lugar. Tente chamar o minimo de atenção possível, só pelo fato de ser uma firangue estrangeira já atraira muitos olhares curiosos.

Se puder inclua na bagagem uma máscara daquelas que os chineses usam para filtrar o ar, porque o ar daqui é o pior que já respirei em toda vida. Estou falando de Delhi ainda minha gente, talvez outras cidades sejam menos pior.

Retornando aos homens, eles estão por toda parte, restaurantes, hotéis, barraquinhas de rua etc. As mulheres, ainda estou tentando descobrir aonde se escondem.

IMG_2328

A India é intensa e dura, descobri que não sabia o que era pobreza de verdade, toda vez que saio pelas ruas daqui engulo seco todo aquele sofrimento de gente e bicho que eu não posso mudar.

Aprendi que papel higiênico e água quente é luxo aqui e que nós fomos sim contaminados com a arrogância do homem branco. Conviver com uma cultura tão diferente da nossa requer muita paciência e humildade.

12736820_10153413578578450_1910720875_o

 

Já sabia que não ia ser fácil, mas teoria é uma coisa.

Dizem que India é um doutorado para o viajante e o meu acaba de começar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.